A Morte de Cristo Por Seu Povo

10327092_532869040155895_1623794204_nNº 2656

Um Sermão pregado na noite de um Domingo do inverno de 1857,

Por Charles Haddon Spurgeon

Na Capela de New Park Street, Southwark, Londres.

E lido no Domingo, 7 de janeiro de 1900.

 BAIXE EM PDF

BAIXE EM EPUB E MOBI 

“Ele deu a sua vida por nós”. 1 João 3:16

Crente, eu lhe convido a contemplar essa sublime verdade, assim proclamada para você em simples monossílabas: “ele deu a sua vida por nós”. Não existe nem uma só palavra extensa nessa frase; tudo nela é muito simples, e é simples porque é sublime. A sublimidade no pensamento exige sempre, para sua devida expressão, a simplicidade com as palavras. Os pequenos pensamentos precisam ser expressos com grandes palavras, e os pequenos pregadores precisam de palavras em latim para transmitir suas fracas ideias, mas os grandes pensamentos e seus grandes expositores se contentam com pequenas palavras. Continuar lendo

Conversões Incentivadas

10156821_10202364905622397_883593375_nNº1283

Sermão pregado na manhã do Domingo, 12 de março de 1876,

Por C.H.Spurgeon

No Tabernáculo Metropolitano, Newington, Londres.

BAIXE EM PDF

BAIXE EM EPUB

BAIXE EM MOBI

BAIXE O SERMÃO ANTERIOR “Conversões Desejadas”

 

“Mas de lá buscarás Jeová teu Deus, e o acharás, contanto que o procures de todo o teu coração e de toda a tua alma. Quando estiveres em tribulação, e todas estas coisas te sobrevierem, então nos últimos dias te tornarás a Jeová teu Deus, e ouvirás a sua voz. Porque Jeová teu Deus é um Deus misericordioso, não te deixará sucumbir, nem te destruíra, nem se esquecerá da aliança que jurou aos teus pais.” (Deuteronômio 4.29-31)

No último dia do Senhor, o título do meu discurso foi Conversões Desejadas e a minha mais sincera oração a Deus tem sido que o efeito do sermão de hoje sejam conversões realizadas. Eu não posso ficar feliz a menos que eu sacie a esperança de que alguns irão, nesta manhã, se converter a Deus com todo o coração, guiados a fazer isso pelo poder da Graça Divina. Por isso eu procuro o Senhor e nisto eu resolvi apontar. Eu me perguntei: “qual é o assunto na mão do Espírito Santo mais propício para guiar os homens ao Senhor? Devo eu pregar os terrores do Senhor, ou devo proclamar a doçura da misericórdia Divina? Cada uma delas tem o seu uso apropriado, mas qual delas será melhor para responder o nosso plano de hoje?”

Continuar lendo

Mande seu testemunho em Projeto Spurgeon

avatar_200Você é leitor do Projeto Spurgeon e tem sido abençoado por nosso trabalho? Foi convertido ao Senhor por esse ministério, edificado, iluminado? então, nos conte seu relato em nosso comentários, para que possamos assim glorificar ao Senhor por seus benefícios e termos um registro das coisas que o Senhor tem feito em suas vidas por essa iniciativa

A edição

Olhos Abertos

10156944_515931968516269_530664486_nNº 1461B

Sermão pregado

Por Charles Haddon Spurgeon

No Tabernáculo Metropolitano, Newington, Londres.

BAIXE EM PDF

BAIXE EM EPUB

BAIXE EM MOBI

E abriu-lhe Deus os olhos ” Genesis 21:19

Em todo tempo houve uma fonte de água perto de Agar, ainda que ela não a tenha visto. Deus não abriu a terra para fazer que brotassem novas águas, nem mesmo tinha necessidade disso. A fonte já estava lá, mas para todo propósito prático, bem que podia não ter estado onde estava, pois Agar não podia vê-la. A água de seu odre acabou e seu filho estava morrendo de sede, e ela mesma estava a ponto de desfalecer, no entanto, o fresco manancial borbulhava muito perto desse local onde estavam. Era necessário que Agar enxergasse a fonte como era necessário que ela estivesse lá e, portanto, com grande compaixão, o Senhor a conduziu a ver o manancial ou, como o texto expressa, “e abriu-lhe Deus os olhos”. Continuar lendo

A Necessidade de Todo Ser Humano

1483611_514053428704123_394851929_nN° 1455

Sermão pregado por

Charles Haddon Spurgeon

No Tabernáculo Metropolitano,  Newington, Londres.

BAIXE EM PDF

BAIXE EM EPUB

BAIXE EM MOBI

“Necessário vos é nascer de novo” João 3:7

 Quando os homens estão perecendo em torno de alguém, é cruel desperdiçar o tempo interessando suas mentes ou alimentando suas fantasias. Devemos fazer algo mais prático e atender com mais diligência as suas necessidades urgentes. Estão morrendo de fome? Então, forneçamos alimento. Estão morrendo de frio? Então, forneçamos cobertas a eles. Acaso é a enfermidade? Então, ministremos remédios. Quando o caso é urgente, deve se limitar às coisas necessárias e atender de todo o coração o que deve receber nossa atenção. O que pode ser, pode esperar, mas o que deve ser, exige nossa imediata resposta. Agora, as necessidades espirituais dos seres humanos são urgentes e entre elas a mais urgente é sua regeneração: é necessário que nasçam de novo, ou estarão perdidos. Portanto, vamos nos alongar neste tópico agora e vamos lhe dar toda nossa consideração, deixando que outros assuntos interessantes esperem até que este importantíssimo tema chegue à sua feliz conclusão. Continuar lendo

Descanso para os Cansados

1974654_508830875893045_1760177359_nNO. 1322

Sermão pregado na noite de Domingo, 22 de Outubro de 1876

Por Charles Haddon Spurgeon

No Tabernáculo Metropolitano, Newington, Londres.

BAIXE EM PDF

BAIXE EM EPUB

BAIXE EM MOBI

 [O Tabernáculo estava aberto para estranhos nesta noite, com toda a congregação cedendo generosamente os seus lugares]

“Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso. Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas. Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.” Mateus 11: 28-30. Continuar lendo

Lançamento livro “As Bem Aventuranças” inédito

1903508_495668543875945_1701504384_nÉ COM IMENSA ALEGRIA NO SENHOR que o Projeto Spurgeon – Proclamando a Cristo crucificado lança mais um livro completo de sermões de C.H.Spurgeon, “As Bem Aventuranças – Uma série de homílias sentenciosas sobre as Bem-Aventuranças do Sermão do Monte”, com 183 páginas

Esse livro contem 7 SERMÕES INÉDITOS Spurgeon pregou sobre As Bem Aventuraças, inédito

PDF